Home / Notícias / Editora ‘ABRIL” se prepara para “FECHAR”

Editora ‘ABRIL” se prepara para “FECHAR”

Em grave crise econômica, a Editora Abril – responsável pelas revistas Capricho, Claudia, Exame, Mundo Estranho, Placar, Quatro Rodas, Superinteressante e Veja, entre outras – anunciou a demissão de mais de 100 funcionários. O corte ocorre um mês após o publicitário Walter Longo deixar a presidência da empresa.

O número de demitidos pode chegar a 170 pessoas até fevereiro e as verbas rescisórias a serem pagas aos demitidos devem ser parceladas em até 10 vezes. A medida ocorre após o anúncio de encerramento de uma revista do grupo e a tentativa de negociar previamente, sem sucesso, as demissões com o sindicato de jornalistas.

A editora também pretende deixar o prédio que ocupa atualmente no bairro de Pinheiros, em São Paulo, para ocupar um escritório menor e mais barato em outra região da cidade. Um pedido de recuperação judicial, por ora, está descartado.

A imprensa que por muito tempo não informou as verdades para transformar o Brasil, agora pede arrego. No socialismo ninguém compra revista para ler, apenas arrebata as velhas para limpar a bunda.

One comment

  1. JUAN CARLOS BARR

    UMA CRUEL E TRISTE VERDADE, A SITUAÇÃO OCULTA QUE ESTÃO PASSANDO GRANDES EMPRESAS.,MAIS O GOVERNO TEMER.CONTINUA COM SEU VERSO DA GRANDE RECUPERAÇÃO ECONOMICA DO SISTEMA PRODUTIVO DO PAIS.SO SERA EM OS OLHOS DELE,PORQUE A ECONOMICA ESTA ESTAGNADA E ANDA A PASSOU DE TARTARUGA,,UMA EMPRESA DO PORTE DE EDITORIAL ABRIL O GRANDE SONO DE RICHARDS E ROBERTO CIVITA ESTA POR PEDIR ARREGOU.UM GIGANTE QUE COMEÇO EM BUENOS AIRES.ARGENTINA.UMA GRANDE PENA.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*